'Senhor Doutor' do programa de Fátima Lopes está de regresso: "Agradeço ao acidente"

O dentista de 'A Tarde é Sua' esteve à conversa com Fátima Lopes.
Fátima Lopes, João Espírito Santo
João Espírito Santo
Fátima Lopes, João Espírito Santo
João Espírito Santo
22 abr 2020 • 18:11
Fátima Lopes recebeu durante a emissão desta quarta-feira, João Espírito Santo, conhecido como o 'Sr Doutor' do formato.

Após o acidente de viação que sofreu, que o colocou em risco de vida e afastado da televisão, o rosto da TVI está de volta e não esconde a emoção.

"Foi um milagre, completamente. Pensar que estive em coma, que tudo estava em causa, e que hoje em dia faço a minha vida exatamente igual...", começou por dizer, agradecendo a todos os profissionais de saúde que ajudaram a salvá-lo e também na fase de recuperação, principalmente no que respeita à lesão que teve na mão.

"Posso garantir-vos, que eu agradeço o acidente. Repôs-me a cabeça no sítio certo. Precisava disto para perceber que nós temos de mudar", desabafou João.

"Lembro-me de pensar: mas quem é que sobrevive a isto?", recordou Fátima Lopes, confessando que achava que ele não ia sobreviver ou ficar incapacitado para o resto da vida. A apresentadora pediu-lhe para lhe explicar de que forma o acidente o tornou uma pessoa diferente.

"O acidente ajudou-me a pensar no meu ninho, nos meus filhos, na minha mulher, nos meus pais, na minha irmã, nos meus cunhados... Aproximou-me imenso deles", confessou o dentista. "Hoje em dia é uma relação inexplicável. Eles estiveram lá, deram-me afeto. Repenso muito mais agora as minhas atitudes. Se me perguntasses há um ano atrás se isto era assim... não era", disse ainda, enaltecendo as coisas boas que a tragédia lhe trouxe na mudança que viveu.

Atualmente, João Espírito Santo continua a apresentar algumas lesões, sobretudo na orelha. Mas mostra-se tranquilo com a imagem e com a forma como está a levar a recuperação e a vida.

Recentemente, João Espírito Santo esteve à conversa com Cristina Ferreira, e desabafou sobre toda a tragédia e todo o seu sofrimento e da família.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo