Sofia Cerveira perde cinco quilos num mês e revela o truque

Apresentadora revela-se com mais auto-estima depois de voltar ao peso que tinha antes da quarentena.
Sofia Cerveira
Sofia Cerveira
Sofia Cerveira
Sofia Cerveira
Sofia Cerveira
Sofia Cerveira
Sofia Cerveira
Sofia Cerveira
Sofia Cerveira
Sofia Cerveira
16 set 2020 • 18:06

Sofia Cerveira mostra-se satisfeita após perder cinco quilos em apenas um mês.

Aos 45 anos, a apresentadora admitiu que sempre se sentiu bem com a forma física, mas o "ano difícil" que se atravessa levou-a a ganhar algum peso. Não só devido ao período de quarentena como à morte do pai, que faleceu em maio, aos 76 anos.

"A ausência de rotinas e o confronto com esta nova realidade baralhou-me mais do que alguma vez poderia imaginar", começou por dizer a mulher do ator Gonçalo Diniz, que admitiu que acabou por se desleixar com os hábitos alimentares.

"Quando dei por mim, estava a abusar de alimentos que habitualmente evito. Para não falar do açúcar", contou.

"Depois, houve outro momento que contribuiu para esta mudança. A partida do meu querido pai. Mais vulnerável. Mais frágil. Sem vontade de lutar por mim", disse, referindo-se à perda dolorosa. 

"Quando dei por mim tinha engordado cinco quilos em 3 meses. A verdade é que não tinha motivação para cozinhar e muito menos para seguir uma dieta", desabafou Sofia, sobre a fase conturbada que enfrentou. 

No entanto, a atriz conta agora como conseguiu recuperar a forma física que apresentava há uns tempos. Além de ter retomado a prática de exercício físico no ginásio, recorreu a um plano 'detox'.

"As refeições são entregues em casa, tudo planeado para não termos de pensar em nada. Smoothies desintoxicantes, sopas deliciosas com combinações improváveis, saladas lowcarb muito saborosas e nutritivas", contou, explicando que começou por desinchar e, ao perceber que estava a ter resultados, decidiu continuar por estar motivada: "Já perdi tudo o que ganhei em pouco mais de um mês! Sinto-me tão mais saudável. Voltei a treinar e a minha auto estima só agradece".


Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo