Teresa Guilherme revela: "Foi a Cristina Ferreira que me bateu à porta"

Apresentadora do 'Big Brother - A Revolução' confessou a Manuel Luís Goucha que foi a nova diretora de programas do canal que a convidou para assumir o desafio.
Teresa Guilherme com Manuel Luís Goucha
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Manuel Luís Goucha e Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme e Cristina Ferreira
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme com Manuel Luís Goucha
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Manuel Luís Goucha e Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme e Cristina Ferreira
Teresa Guilherme
12 set 2020 • 21:14
Teresa Guilherme esteve na emissão deste sábado do programa 'Conta-me', na TVI, à conversa com Manuel Luís Goucha e falou sobre a nova fase que está a viver, ao abraçar a condução do 'Big Brother - A Revolução'.

A apresentadora contou como foi convidada para assumir o novo reality show. 

"Eu achei mesmo que a minha carreira televisiva tinha acabado durante estes três anos", começou por desabafar, Teresa, que esteve afastada do pequeno ecrã, enquanto muitos esperavam ansiosos pelo seu regresso.

"A Cristina Ferreira bateu-me à porta de casa e perguntou-me se queria apresentar o Big Brother. E eu disse logo "sim quero". Ainda nem nos tínhamos sentado", contou a eterna 'rainha' dos reality shows.

"O convite surpreendeu-me completamente. Não estava nada à espera. Pensei que ela me ia convidar para ficção, que era um papel qualquer numa novela, mas não pensei que fosse isto. E ela disse aquilo com um ar tão maroto...", contou.

"Nunca achaste que a Cristina podia querer tomar o teu lugar?", questionou Goucha.

"Eu acho desde sempre que cada um tem o seu lugar e que há espaço e registos para todos. Ninguém ofusca ninguém. Eu acredito muito no destino", defendeu a estrela da estação de Queluz, confiante.

Teresa revelou que,apesar de ter aceite este novo desafio, não estabeleceu nenhum contrato com a TVI. "Eu não fiz contrato nenhum com a TVI, não quis. Disse à Cristina que não  queria e ela aceitou perfeitamente", explicou, sobre o que acordou com a nova diretora de entretenimento e ficção do canal.

"Aceitei fazer o programa, sim senhor, se quiserem depois que faça mais alguma coisa logo se vê", continuou.

Questionada sobre o apresentadora sobre o porquê da decisão, Teresa não hesitou em explicar a sua posição.

"Não é o meu momento, não quero esses compromissos. Já não temos um longo prazo Manuel", brincou.

Teresa Guilherme não podia revelar-se mais entusiasmada para o começo de mais um desafio. O 'Big Brother - A Revolução' estreia já no próximo domingo.

A carregar o vídeo ...
Apresentadores esclarecem polémicas do passado.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo