Tony Carreira confessa que gosta de "agradar às mulheres"

Artista de 54 anos escreveu um livro de memórias em que fala sobre o seu percurso.
Tony Carreira, cantor, plágio, canções, música
Tony Carreira, cantor, plágio, canções, música
Foto: Direitos Reservados
05 mai 2018 • 01:30
Vânia Nunes
A comemorar 30 anos de carreira e numa altura em que anunciou que vai retirar-se dos palcos durante uns tempos, Tony Carreira prepara-se para lançar um livro de memórias, intitulado ‘O Homem que Sou’.

Na obra, que está disponível a partir do dia 18, o artista de 54 anos fala do seu percurso na música, da família e da relação com as suas fãs.

"Não posso mentir: gosto de agradar às mulheres. Sempre gostei de distribuir charme. Adoro entrar em palco e ver-me rodeado por fãs que gritam o meu nome e que me fazem sentir desejado. E, sim, naturalmente que recebi muitas propostas indecentes de mulheres", escreveu.

No entanto, assegura que o que guarda "com mais carinho" são as histórias emotivas e recorda quando atuou para uma fã em estado terminal no Hospital de Santa Maria, em Lisboa.

A relação com a filha, Sara, de 18 anos, também mereceu destaque e Tony assume-se como "pai-galinha".
Mais sobre
Newsletter
topo