Vizinhos de Georgina denunciam abandono: "A mãe saiu de casa e deixou-a sozinha com a irmã"

Canal Telecinco esteve em reportagem por Jaca, em Espanha, onde a companheira de Ronaldo passou a infância, e desvendou vários segredos.
Georgina Rodríguez
Georgina Rodriguez e a irmã Ivana
Georgina Rodríguez
Georgina Rodriguez e a irmã Ivana
16 fev 2020 • 17:45
O passado difícil de Gorgina Rodríguez continua a fazer correr muita tinta em Espanha, com os meios de comunicação social do país vizinho a darem destaque à infânica com poucos recursos da musa de Cristiano Ronaldo.

Agora, o canal Telecinco esteve em reportagem pelo município de Jaca, onde Gio foi criada e onde os seus antigos vizinhos recordam os tempos difíceis lá passados, ainda que nem todos queiram falar.

"Há coisas que não se podem dizer, então temos de nos calar", diz um antigo vizinho, acrescentando: "Uma coisa é certa, a Georgina e a irmã não tiveram uma boa vida".

De acordo com outro vizinho, desde muito cedo a espanhola teve de aprender a não depender de ninguém para sobreviver, uma vez que Georgina e a irmã eram muito jovens quando foram abandonadas pela mãe.

"A Georgina viveu quase sempre sozinha com a irmã. Ao início, a mãe ainda estava em casa com elas, mas depois foi-se embora. A mãe continuava a dar-lhe dinheiro e o pai também, mas a verdade é que estavam sozinhas".

A situação, dizem, agravou-se depois de o pai de Georgina - que morreu no ano passado - ter sido preso por "tráfico de droga". "O pai era muito educado, mas depois foi preso", dizem. Relativamente à mãe, ninguém parece querer esclarecer o que fazia. "A sua mãe estava onde estava e o seu pai estava na prisão".


Esta não é a primeira vez que o passado de Georgina causa polémica. O tio materno da espanhola, recorde-se, acusa-a de desprezar o clã e de nem ter marcado presença nem telefonado nas cerimónias fúnebres da avó.
Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo