William e Harry estiveram duas horas a conversar depois do funeral do avô

Príncipe Carlos tentou uma reaproximação dos filhos.
William e Harry sempre mantiveram uma relação unida, até há dois anos
Durante o cortejo fúnebre, William e Harry caminharam afastados
William, Harry e Kate à saída da capela
William e Harry com 15 e 12 anos nas cerimónias fúnebres da princesa Diana
William e Harry sempre mantiveram uma relação unida, até há dois anos
Durante o cortejo fúnebre, William e Harry caminharam afastados
William, Harry e Kate à saída da capela
William e Harry com 15 e 12 anos nas cerimónias fúnebres da princesa Diana
19 abr 2021 • 10:47
O tão ansiado reencontro entre Harry e William aconteceu no passado sábado, 17 de abril, no funeral de Filipe de Edimburgo. Os filhos da princesa Diana estiveram separados por um primo nas cerimónias fúnebres do avô, mas no final do funeral o duque de Sussex e o de Cambridge estiveram cerca de duas horas a conversar, revelou uma fonte ao jornal 'The Sun'.

Segundo a mesma fonte, este momento mais próximo entre Harry e William derivou de uma ação do príncipe Carlos que tentou unir os filhos depois de estarem um ano de relações cortadas. Embora revele que a conversa entre os três foi "pouco produtiva" há esperança de que esteja próxima a reconciliação entre Harry com o pai e o irmão.

"Ainda é cedo, mas espero que este tenha sido o primeiro passo que o Filipe teria desejado. Não se sabe o que foi dito entre portas e quando as câmaras foram desligadas, mas é impossível não pensar no Megxit e na Oprah", contou a fonte ao 'The Sun'.

Recorde-se que as intrigas na família real começaram quando, há mais de um ano, Harry e Meghan abandonaram os seus deveres reais e se mudaram para o Canadá e, mais tarde, para a Califórnia, onde estão a viver atualmente. O que também intensificou a guerra familiar foi a entrevista dos duques de Sussex a Oprah Winfrey onde expuseram vários momentos íntimos da família real num momento em que Filipe de Edimburgo estava hospitalizado com uma infeção e um problema cardíaco.

Harry regressa esta segunda-feira, 19 de abril, para os EUA, para voltar para junto de Meghan Markle, que devido ao avançado estado de gestação, não teve permissão médica para viajar, e para junto do seu filho Archie, que completa três anos a 6 de maio. 



Mais sobre
artigos relacionados
Newsletter
topo