Feios e descuidados!?

A apresentação pessoal é e, em bom rigor, sempre foi e será um eixo fundamental para a promoção de uma melhor qualidade de vida e uma autoestima saudável, com repercussões sempre benéficas quer na vida pessoal, quer na vida profissional.
11 jul 2016 • 12:28
Reginaldo Rodrigues de Almeida

Era assim que muitos interpretavam o verdadeiro macho latino, como se a virilidade tivesse algo de relacionado com o desmazelo e até uma higiene menos cuidada.

Nada de mais errado, podem crer! Feitas as contas, a apresentação pessoal é e, em bom rigor, sempre foi e será um eixo fundamental para a promoção de uma melhor qualidade de vida e uma autoestima saudável, com repercussões sempre benéficas quer na vida pessoal, quer na vida profissional. Mesmo em tempos mais recuados, os homens com "bom ar" e bem assertoados eram mais facilmente identificados como pessoas de bem, uma espécie de carta de alforria de virtudes onde o aspeto exterior muito contava para refinar valores sociais e até qualidades morais.

Também nos últimos anos, diferentes soluções tecnológicas têm aprimorado tendências de moda e de beleza e já não se refugiam no exclusivo universo feminino, democratizando os mesmos conceitos no quotidiano dos homens, mesmo daqueles que aprisionados pelo título desta crónica, julgavam poder limitar-se a uma aparência frugal, longe do mais elementar respeito por eles próprios.

Se, nos últimos anos, o mundo do marketing tem vindo a rejeitar o nu feminino nas campanhas de marca, é evidente que não devemos cair no ridículo de transferir esse conceito de comunicação para os homens mas que estes – sem qualquer receio de ferir a sua masculinidade – podem e devem evitar o desgaste do relógio biológico e encontrarem soluções para serem mais bonitos (sim, bonitos, não devemos ter qualquer medo da palavra!), lá isso devem. Atualmente, por exemplo, alguém questiona o prazer de uma mulher beber um copo de tinto depois de um dia de trabalho (sim, no passado só para homens)? Claro que não. Então idêntico direito assiste aos homens no cuidado diário de uma pele mais jovem, também como mero exemplo, é que feitas as contas, só assim podemos ser mais felizes, no masculino e também com o feminino.

Mais sobre
Newsletter
topo