Atualidade
Nervos e emoção no primeiro dia de Cristina
Apresentadora chegou ao estúdio antes das sete da manhã para cortar o cabelo e fazer a cama da ‘casa nova’.
  • Partilhe
Hugo Alves
08/01/2019 01H30
Foto: Instagram
Cinco meses depois de ter anunciado a sua ida para a SIC, Cristina Ferreira estreou finalmente o seu programa das manhãs.

Num estúdio de 500 metros quadrados, decorado pela própria, a apresentadora garante que aquele espaço a fá-la sentir-se em harmonia. "Nunca me senti tanto em casa como hoje", disse.

A apresentadora chegou ao estúdio da SIC às 6h50 da manhã para acertar alguns detalhes.

"Fui fazer a cama da minha casa. Eu disse que só a fazia no dia da estreia e, com a ajuda de uma colega, foi feita às 7h30", disse.

Depois, seguiu-se o corte de cabelo, o mais curto até hoje , "para cortar em definitivo com o passado", como explicou. Feliz, no final, garantiu não estar preocupada com os resultados.

"O meu foco é este. O meu programa. E não desviei um milímetro do que tinha idealizado. Mas claro que quero ganhar", assegurou.

"Cada um vai tentar fazer o melhor e levar os conteúdos que acha que tem interesse para o seu público, pagando claro, as consequências dessas escolhas", afirmou, lançando algumas farpas a Goucha, ao dizer que nunca convidaria alguém como Mário Machado: "Não é pessoa que me interesse sequer conhecer".

Lágrimas pelo pai
Luís Filipe Vieira foi um dos convidados da primeira emissão de ‘O Programa de Cristina’ e emocionou-se várias vezes ao recordar o pai, Fernando Mendes Vieira, que faleceu em 2007, vítima de acidente vascular cerebral.

O presidente do Benfica não conteve as lágrimas quando Cristina Ferreira lhe falou do boné que este guarda com especial carinho.

"Há de ir comigo para o caixão", revelou. Devastado, o homem forte dos encarnados pediu à apresentadora para mudar de assunto.

Saudades do filho
Custódia Gallego deu a sua primeira entrevista a Cristina Ferreira após a morte do filho de 32 anos, Baltazar, há cinco meses, vítima de cancro.

"O tempo vai amenizando as coisas, mas todos os dias é mais um dia sem ele e tenho mais razões para sentir saudades".
Ler mais tarde
A notícia foi guardada na sua lista de notícias favoritas. Faça a gestão dessa área na sua conta.
Partilhe
0
Comente
0
OPINIÃO
  • Improváveis da semana
    Patrick Watson chamou a palco Ana Moura e juntos recordaram Lhasa de Sela.
    Querido Tio Marcelo
    Não há memória de um presidente com esta forma simples de abordar a vida.
  • Não há nada para celebrar!
    De efemérides Pedro Abrunhosa não quer nem ouvir falar.
    Vida
    A melancolia está presente como uma nuvem que percorre o disco.
  • A vida de um ‘gajo’ porreiro
    Futebol... É mesmo um gajo porreiro este António Zambujo, ‘porreiro’ em todo o sentido lato do termo.
    Uma decisão histórica
    Justiça... Numa altura em que muitas das ligações entre artistas e editoras eram fixadas através dos chamados ...
  • Doçura
    Robyn segue uma visão pessoal num mundo nivelado pelo gosto comum.
    Política
    Neneh Cherry nem quer ouvir falar do actual presidente americano.
horóscopo
EM DESTAQUE
AQUÁRIO
21 JANEIRO - 19 FEVEREIRO
OUTROS SIGNOS
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina