Crónicas
Jornal Nacional
Filhos de peixe que sabia nadar
por Leonardo Ralha
Experiência acumulada nos tempos em que foi atleta olímpico é usada pelo ator para orientar a prole nas suas carreiras desportivas.
  • Partilhe
SÁBADO 03 FEVEREIRO - 00H
Entrevistado por enviados especiais da imprensa cor--de-rosa a uma estância de esqui, Pedro Lima revelou a faceta de motivador da sua prole. "Valorizamos muito os bons resultados dos nossos filhos", disse à ‘Nova Gente’ quem tem o primogénito na seleção nacional de râguebi e já vê uma das filhas numa seleção regional de voleibol.

"Não sei se é a genética", admitiu o representante de Angola nas provas de natação dos Jogos Olímpicos de Barcelona, deixando claro que a descendência não se pode queixar de falta de ‘coaching’: "Têm o apoio de um pai com muita experiência enquanto espectador e competidor. Muitas vezes, quando partilham comigo o que estão a sentir e a pensar, vou buscar às minhas memórias aquilo que senti e pensei, e vou partilhando." E aquilo que vai partilhando não anda longe do ‘Tempos Difíceis’ de Charles Dickens.

"Quando comecei a fazer natação muitas vezes as caldeiras avariavam, a água estava fria no inverno, os vidros estavam partidos, havia correntes de ar na piscina, os duches não tinham água quente, não havia piscinas olímpicas de 50 metros. A única que havia era nos Olivais e treinávamos às seis e meia da manhã, antes de abrir ao público." Mas pelo menos Pedro Lima não lhes contou que tinha de fugir da água quando as piranhas acabavam de devorar a vaca sacrificada nessa manhã.  

Concorrência desleal no final de cada mês  
Vestida com a farda amarelada das suas tapiocarias, Rita Pereira disse à ‘Lux’ como gere novelas e negócios: "Parece que o meu calendário tem mais dias do que o das outras pessoas." Bem pode agradecer à falha na revisão.

Ardil para poupar a descendência 
Ver ‘Jogo Duplo’ com a filha é difícil para Fernanda Serrano. "Numa cena mais quente comecei a tossir e pedi-lhe para ir buscar água à cozinha. A cena era enorme e eu só tossia", recordou à ‘Nova Gente’. E se bloqueasse a TVI? 

Concebida a convite de um patrocinador 
Oito anos após ir a Andorra a convite de uma marca de carros, Andreia Dinis voltou com o marido e a filha que, segundo disse à ‘Lux’, "foi  mesmo ‘feita’ na nossa última viagem à neve". E ainda assim não foi batizada Ibiza ou Córdoba...  


Ler mais tarde
A notícia foi guardada na sua lista de notícias favoritas. Faça a gestão dessa área na sua conta.
Partilhe
0
Comente
0
mais crónicas de
Jornal Nacional
horóscopo
EM DESTAQUE
BALANÇA
24 SETEMBRO - 22 OUTUBRO
OUTROS SIGNOS
a ferver
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina