Crónicas
Sociedade Recreativa
Regresso
por Fernando Sobral
Costello sempre foi em busca do sonho da verdadeira canção pop.
  • Partilhe
SÁBADO 03 NOVEMBRO - 00H
O novo álbum de Elvis Costello com os Imposters, ‘Look Now’, está longe de ser o mais empolgante de um impressionante catálogo de 25 álbuns que já gravou. Mas faz parte integrante de um trajecto único, de quem surgiu no tempo do Punk (mas que nada tinha a ver com o movimento) e conseguiu evoluir rumo ao universo da pop e do jazz.

No fundo o que Elvis Costello sempre quis fazer foram ‘standards’, canções clássicas que ficassem na memória. Não admira a sua longa associação a Burt Bacharach (que participa, ao piano, neste disco).

Como não se pode estranhar um tema, ‘Burnt Sugar is So Bitter’, escrito há muitos anos em Dublin com Carole King e que nunca tinha sido gravado. Numa entrevista recente, Costello dizia: "Eu gosto mesmo de música pop.

As pessoas perguntam-me coisas sobre bandas rock, mas eu nunca gostei desse tipo de música. Vi a Kylie Minogue uma noite destas em Hyde Park… como é que não se pode gostar daquilo? Miley Cyrus também é fantástica".

Costello sempre foi em busca do sonho da verdadeira canção pop e continua a ser um dos mais incisivos autores de canções da música actual.

A sua capacidade para conciliar diferentes géneros musicais mais tradicionais (folk, jazz, country, clássica, ragtime) tornou-o num mestre na arte de escrever canções. Costello tentou transformar-se num ‘crooner’, e a sua parceria com Bacarach permite isso (escute-se ‘Don’t Look Now’, ‘He’s Given Me Things’ ou ‘Photographs Can Lie’).

Há mesmo aqui espaço para nos falar do Brexit, em ‘I Let the sun go Down’. Não é um disco genial. Mas é um ‘vintage’ Costello.
Ler mais tarde
A notícia foi guardada na sua lista de notícias favoritas. Faça a gestão dessa área na sua conta.
Partilhe
0
Comente
0
mais crónicas de
Sociedade Recreativa
horóscopo
EM DESTAQUE
SAGITÁRIO
23 NOVEMBRO - 21 DEZEMBRO
OUTROS SIGNOS
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina