Crónicas
Sociedade Recreativa
Francesa
por Fernando Sobral
Um dos mais apaixonantes álbuns de 2017 não é cantado em inglês.
  • Partilhe
SÁBADO 30 DEZEMBRO - 00H
Um dos mais apaixonantes álbuns de 2017 não é cantado em inglês. É o francês que domina ‘Rest’ de Charlotte Gainsburg, filha de um dos grandes autores da música francesa, Serge Gainsbourg. E isso confere-lhe ainda mais mistério e densidade. Algo que não surpreende em Charlotte, que muitos conhecerão pelo seu papel no alucinado filme de Lars von Trier, ‘Melancholia’. Neste, ela mostrava o seu fascínio pelo lado escondido, subterrâneo, da vida. É este mundo, de mágoas e receios, que descobrimos na sua música.

Talvez não tenha sido por acaso que, para concretizar ‘Rest’, Charlotte tenha viajado para Nova Iorque, deixando para trás a Paris que tanto marcou a sua vida. Com ela apenas levou a tristeza que tem povoado a sua vida e, também, a sua língua de origem. O resultado é apaixonante. É um disco muito íntimo. ‘Deadly Valentine’, um dos temas mais empolgantes do disco, viaja à boleia do volume orquestral e dançável criado para a sua voz, que se insinua defronte dos nossos sentidos.

Há, também, ‘Kate’, dedicada à sua meia-irmã Kate Barry (ambas filhas de Jane Birkin), que se suicidou em 2013. O som electrónico que acompanha a voz de Charlotte faz despontar a sua tristeza. No fundo, ‘Rest’, produzido em grande parte por SebastiAn (que tem trabalhado com Daft Punk ou Frank Ocean), é um oceano de sombras e sussurros, cheio de bons temas e de sinceros sentimentos. Pelo meio ainda descobrimos ‘Songbird In a Cage’, escrita por Paul McCartney, uma canção cheia de energia. Este quarto álbum de Charlotte é uma prova de vida. No meio das sombras que circulam à sua volta. 
Ler mais tarde
A notícia foi guardada na sua lista de notícias favoritas. Faça a gestão dessa área na sua conta.
Partilhe
0
Comente
0
mais crónicas de
Sociedade Recreativa
horóscopo
EM DESTAQUE
SAGITÁRIO
23 NOVEMBRO - 21 DEZEMBRO
OUTROS SIGNOS
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina